sábado, novembro 26, 2022
Início Nordeste Hoje Piauí registra mais 642 casos e 18 mortes por Covid-19; estado chega...

Piauí registra mais 642 casos e 18 mortes por Covid-19; estado chega a 18.665 infectados e 592 óbitos


Apenas 25 municípios do estado ainda não foram atingidos pela pandemia. Paciente diagnosticado com coronavírus no Piauí
Divulgação
O Piauí registrou mais 642 casos confirmados e 18 mortes por Covid-19 nas últimas 24 horas, segundo o boletim divulgado pela Secretaria de Estado da Saúde, na noite desta sexta-feira (26). O estado contabiliza 18.665 infectados e 592 óbitos pelo novo coronavírus.
Taxa de ocupação nas UTIs: 71% (299 ocupadas e 122 disponíveis)
Taxa de ocupação nos leitos clínicos: 44,2% (454 ocupados e 573 livres)
Taxa de ocupação nos leitos de estabilização: 39,4% (26 ocupados e 40 livres)
Altas médicas acumuladas: 968 recuperados
Total de testes Covid-19 feitos no Piauí: 102.496 exames
As últimas vítimas são 10 mulheres e oito homens com idades que variam de 19 a 91 anos. Os óbitos do sexo masculino são moradores de Parnaíba (57 anos), Picos (46 anos), Teresina (47, 58, 63, 75 e 87 anos) e Valença (87 anos).
Veja serviços afetados pelo coronavírus no Piauí
O que fazer e para onde ir em caso de aparecimento dos sintomas
Acompanhe a evolução da curva epidêmica no estado
Já as vítimas do sexo feminino são de Luís Correia (19 anos), Oeiras (73 anos), Parnaíba (82 e 91 anos) e Teresina (66, 68, 74 e três de 84 anos).
O número de municípios com casos confirmados permanece 199. No topo está Teresina, que contabiliza 7098 casos. Na sequência, aparecem Parnaíba (2565), Campo Maior (644), Picos (518), Barras (509),Esperantina (353), Luzilandia (347), Altos (337), São Raimundo Nonato (334) e Piripiri (290). Apenas 25 municípios do estado ainda não foram atingidos pela pandemia.
Dos novos 642 confirmados, 287 são do sexo masculino e 355 do feminino, com idades que variam de 3 meses a 101 anos. Até o momento, 9833 mulheres positivaram para o novo coronavírus no estado.
Decretos no Piauí de isolamento social
Para evitar a contaminação pelo vírus, o isolamento social e medidas emergenciais foram determinadas por meio de decretos do governo do estado e das prefeituras, como na capital piauiense, para que a população fique em casa e evite ao máximo ir às ruas.
Aulas em escolas e universidades, a maioria das atividades comerciais, esportivas e de serviços em geral estão suspensas por tempo indeterminado.
Governador prorroga decreto de isolamento até 6 de julho
Serviços essenciais como farmácias, postos de combustíveis e supermercados continuam mantidos mas estão regulamentados. O atendimento em clínicas, hospitais e laboratórios, assim como o funcionamento de escritórios de advocacia e contábeis também foram liberados mediante cumprimento de regras.
O uso de máscaras em locais públicos tornou-se obrigatório em todo o estado. Policiais fazem abordagens nas fronteiras do estado a ônibus e veículos particulares. Os decretos preveem que quem descumprir as regras pode ser penalizado com multa ou até prisão.
Prevenção, contágio e sintomas
Lavar as mãos de forma correta (veja vídeo), uso de álcool em gel, sempre usar máscaras, evitar contato pessoal e aglomerações de pessoas são algumas das orientações para evitar o contágio da doença.
Entenda algumas das expressões mais usadas na pandemia da Covid-19
É importante também ficar atento quanto aos principais sintomas (tosse seca, congestão nasal, dores no corpo, diarreia, inflamação na garganta e, nos casos mais graves, febre acima de 37° C e dificuldade para respirar). Um guia ilustrado preparado pelo G1 ajuda a tirar dúvidas.
Initial plugin text

- Advertisment -

Ultimas noticias